CGTP/IN - Conferência de Imprensa de 4 de Maio de 2021

 

 

 


 

 

 

 AVENIDA DOS ALIADOS - PORTO - 15H00

 

 

Saudação - 1º de Maio - Grandiosa Jornada de Luta!

 Ler Resolução 1º de Maio

 

 Ver Galeria de Fotos - Clique AQUI


 

INFORMAÇÃO

 Actualização do SMN para 665 euros  a partir de 1 de Janeiro de 2021

Informamos todos/as os trabalhadores dos npssps Sectores TVC, que já foi Publicado em Diário da Republica, o novo Salário Mínimo Nacional no valor de 665 Euros a partir de 1 de Janeiro de 2021.

Assim todos/as os/as trabalhadores/as devem exigir este valor Mínimo Nacional Garantido. É importante que nas empresas  exijam o integral cumprimento da aplicação do Decreto-Lei n.º 109-A/2020 de 31 de dezembro que actualiza o SMN para 2021. Para mais informações contacta o Sindicato. - Vê publicação em DR - Clica AQUI  


 

Os jovens trabalhadores de todo o país estão hoje na rua, em Lisboa e no Porto, assinalando o Dia Nacional da Juventude, em luta hoje como há 74 anos. 

Em luta contra as políticas em que sucessivos governos de PS, PSD e CDS têm empurrado os jovens para os baixos salários, precariedade, desemprego e exploração.

Aqui saudamos todos os trabalhadores e trabalhadoras, jovens e menos jovens, que com coragem e confiança têm lutado e resistido, a partir dos locais de trabalho, pelo aumento dos salários, em defesa do emprego, contra a precariedade e pelo emprego com direitos.

Os impactos sociais e sanitários do surto epidémico da covid-19 exigem do governo uma resposta que vá ao fundo da questão e que impeça o aproveitamento que já está em curso para aprofundar a exploração e o ataque aos direitos e liberdades.

Por isso, os jovens trabalhadores presentes exigem:

A proibição dos despedimentos e a defesa do emprego seguro e com direitos. Ler mais Clique AQUI


 25 de Março, a juventude trabalhadora está na rua com coragem e confiança para lutar pelos seus Direitos.

É preciso valorizar o trabalho jovem. Os nossos direitos não estão de quarentena!

Os trabalhadores são essenciais - são eles que combatem a pandemia, asseguram a produção de bens e serviços, tratam e cuidam de pessoas e mantém o pais a funcionar. No entanto, são poucos os que se sentem valorizados e respeitados. Agora, com o teletrabalho em voga, violam-se direitos de privacidade, horários, descanso e a conciliação da vida profissional com a vida pessoal. Aqueles que trabalham para as plataformas digitais sentem na pele a extrema degradação das condições de trabalho.

O que os jovens querem e precisam é de trabalho estável e com direitos para assim poderem construir o seu futuro com segurança. Ler mais clique AQUI

 


  

Semana da Igualdade 2021 entre 8 a 12 de Março com o lema " Defender a Saúde, Dignificar o Trabalho, Avançar na Igualdade" -  CIMH/CGTP-IN

No quadro do lançamento da SEMANA DA IGUALDADE entre 8 e 12 de Março, sob o lema Defender a Saúde, Dignificar o Trabalho, Avançar na Igualdade, a Comissão para a Igualdade entre Mulheres e Homens - CIMH/CGTP-IN, divulga, ao longo do mês de Fevereiro, sete estudos temáticos sobre a Situação da mulher no trabalho agravada pela pandemia, pela falta de medidas adequadas do governo e pelas práticas patronais.

Pode ler os Estudos aqui:

» Estudo 1 - Natalidade e Fecundidade (04.02.2021)

» Estudo 2 - Problemas de saúde relacionados com o trabalho (08.02.2021)

» Estudo 3 - O direito à habitação e os seus custos (11.02.2021)

» Estudo 4 - Estudo sobre salários e discriminações salariais das mulheres (15.02.2021)

» Estudo 5 - As implicações do teletrabalho na vida das mulheres e das famílias (18.02.2021)

» Estudo 6 - Estudo sobre emprego, precariedade, desemprego e pobreza das mulheres (23.02.2021)


 

 

 Resolução da Jornada Nacional de Luta

 Salários, Emprego, Direitos - Confiança, determinação e luta por um Portugal com futuro! 

Neste tempo difícil e exigente, os trabalhadores têm sabido resistir e persistir na luta em defesa dos seus direitos, por melhores salários e condições de trabalho e de vida para si e para as suas famílias. Apesar das tentativas de limitações dos direitos e liberdades sindicais, os trabalhadores e os seus sindicatos de classe assumiram sempre a luta como determinante no combate à exploração. Ler mais Clique AQUI -  Galeria de Fotos

  Intervenção da Secretária-Geral - Jornada Nacional de Luta - 25 de Fevereiro

 Camaradas,

Saudamos aqueles que aqui e em todo o país estão em luta, que resistem ao ataque aos direitos, que persistem na luta pela conquista de melhores condições de trabalho e de vida e assumem nas suas mãos a luta por um futuro melhor!

Saudamos os que em todos os sectores de actividade, de formas muito diversificadas, marcam presença nesta jornada de luta, os que continuam a trabalhar, seja no Serviço Nacional de Saúde, na Escola Pública, nos transportes, na Administração Local, Regional e Central, na recolha de resíduos, nas forças de segurança e da protecção civil, seja nas muitas empresas de vários sectores onde os trabalhadores continuam a produzir, a criar riqueza, a garantir serviços! Ler mais Clique AQUI

 

 

 

CGTP-IN marca dia de luta nacional para o dia 25 de Fevereiro

Tendo em conta a disponibilidade para a luta manifestada pelos trabalhadores em Dezembro, e o facto de o Governo não estar a defender os interesses dos trabalhadores como devia, o Conselho Nacional, reunido, hoje, em Lisboa, n´A Voz do Operário decidiu convocar para o dia 25 de Fevereiro, um dia de luta nacional descentralizado, com greves, paralisações e acções em todos os sectores, com o lema 'Salários, emprego, direitos. Confiança, determinação e luta por um Portugal com futuro', fazendo convergir a luta dos trabalhadores em concentrações e manifestações em todos os distritos e regiões autónomas.

Ver RESOLUÇÃO do CONSELHO NACIONAL

Ver RESOLUÇÃO sobre As eleições para Presidente da República


 

 

Ver comunicado clique AQUI 


Trabalhadores que terminaram o subsídio social de desemprego em Dezembro de 2020 têm direito ao Apoio Extraordinário ao Rendimento dos Trabalhadores  

Após alerta e exigência da CGTP-IN o Ministério do Trabalho Solidariedade e Segurança Social altera orientação e determina que os trabalhadores que terminaram o subsídio social de desemprego no final de Dezembro de 2020 também têm direito ao Apoio Extraordinário ao Rendimento dos Trabalhadores

  ler mais CLIQUE AQUI


 

 

 

 

A CGTP-IN comemora 50 anos

A Confederação Geral dos Trabalhadores Portugueses - Intersindical Nacional comemora 50 anos.
50 anos que evocam vidas de luta e sobrevivência, que reflectem a persistência de homens e mulheres que lutaram por direitos, lutaram pela transformação social e construção de uma sociedade mais justa e solidária - lutaram pela liberdade e paz no mundo. 


 

CGTP-IN marca dia de luta nacional para o dia 25 de Fevereiro

Tendo em conta a disponibilidade para a luta manifestada pelos trabalhadores em Dezembro, e o facto de o Governo não estar a defender os interesses dos trabalhadores como devia, o Conselho Nacional, reunido, hoje, em Lisboa, n´A Voz do Operário decidiu convocar para o dia 25 de Fevereiro, um dia de luta nacional descentralizado, com greves, paralisações e acções em todos os sectores, com o lema 'Salários, emprego, direitos. Confiança, determinação e luta por um Portugal com futuro', fazendo convergir a luta dos trabalhadores em concentrações e manifestações em todos os distritos e regiões autónomas.

Ver RESOLUÇÃO do CONSELHO NACIONAL

Ver RESOLUÇÃO sobre As eleições para Presidente da República

Ver mais clique aqui


 

 

 A pandemia do COVI-19 aumentou os problemas do País, expôs as suas fragilidades que resultam de políticas de direita ao longo das últimas décadas e está a penalizar os trabalhadores dos nossos sectores, a maioria dos quais viram os seus salários congelados e fixados pelo Salário Mínimo Nacional; outros trabalhadores viram os seus salários reduzidos pela aplicação da Lay-Off; outros ainda foram colocados no desemprego. Algum patronato tentou aproveitar a situação de pandemia para cortar ilegalmente direitos laborais e aceder de forma ilegal ao Lay-Off recebendo apoios da Segurança Social quando laborava a tempo completo. Os Sindicatos filiados na FESETE, continuaram a exercer os seus direitos, a desenvolver a sua actividade sindical no apoio aos trabalhadores, exigindo medidas de prevenção à pandemia, denunciando as irregularidades e exigindo o cumprimento dos direitos laborais, actividade da qual fazemos um balanço positivo. Acede ao Comunicado Clica AQUI


 

Acção e Luta em todos os sectores de 7 a 11 de Dezembro

O Conselho Nacional da CGTP-IN decidiu aprofundar a acção sindical e a intervenção nas empresas, nos locais de trabalho e serviços, defendendo os direitos e promovendo a continuação da luta em torno das reivindicações concretas dos trabalhadores, tendo o aumento geral dos salários e do Salário Mínimo Nacional como eixos centrais e dando particular destaque à elaboração e entrega de cadernos reivindicativos e propostas de revisão salarial para a contratação colectiva, rejeitando todas as medidas que visem restringir o exercício dos direitos fundamentais consagrados na Constituição da República Portuguesa. Ler mais clique AQUI

 

 


 ULTIMAS NOICIAS SECTOR

Despedimento em fábrica têxtil que pediu insolvência e volta a abrir noutro local

Mais de 70 funcionárias foram ontem surpreendidas com o fecho de uma fábrica têxtil em Oliveira de Azeméis. As trabalhadoras foram despedidas, mas garantem que não faltava trabalho. O sindicato revela que o objectivo da empresa que pediu insolvência é voltar a abrir noutro local e denuncia vários episódios de assédio moral.

Declarações de Isabel Tavares, coordenadora da FESETE (Federação dos Sindicatos dos Trabalhadores Têxteis, Lanificios, Vestuário, Calçado e Peles de Portugal)

 


 

 

 


  INFORMAÇÃO IMPORTANTE! 

 

Acórdão do Tribunal da Relação do Porto dá razão aos trabalhadores da empresa JEFAR nos efeitos das faltas injustificadas sobre a retribuição 

A FESETE SAÚDA a luta dos trabalhadores sindicalizados da empresa JEFAR que lutaram pela defesa dos seus direitos e viram reconhecida a sua razão na reposição da legalidade pela decisão do Acordão do Tribunal da Relação do Porto, proferida no mês de Maio, que dá razão aos trabalhadores nos efeitos das faltas injustificadas sobre a retribuição. Ler mais clique AQUI

Vale a pena Lutar - Ser Sindicalizado compensa!

Trabalhador Sindicalizado está protegido e melhor informado! 

Defende os teus direitos! SINDICALIZA-TE! 

 


  

 INFORMAÇÃO SECTORIAL   

Associações Patronais Congelam Salários para 2020!

A maioria dos trabalhadores continuam no Salário Mínimo Nacional

  ver Comunicado - Clique Aqui 


CCT/CORDOARIA E REDES/2020 

Informação 7 de Dezembro de 2020 

Patrões recusam negociar e preparam-se para roubar os direitos e manter o congelamento dos salários através da Caducidade do CCT! ver Comunicado - Clica AQUI

 Informação  de Setembro de 2020

Patronato impõe corte nos direitos para negociar novo CCT! - ver ComunicadoClique Aqui 

Encontra-se para recolha de opinião dos trabalhadores um documento A/5  sobre o processo de negociação do CCT - ver documento Clique Aqui

 

  Suspensão das reuniões de negociação dos CCT'S 2020 

Informamos que as negociações dos CCT's Têxteis-Lar e Lanificios; Vestuário-ANIVEC e Calçado-APICCAPS, estão SUSPENSAS. .


 

CCT/CURTUMES/2020 Negociado Novo  CCT para 2020 Ver publicação em BTE 

CCT/TÊXTEIS-LAR e ANIL - Encerraram as negociações sem acordo para 2019 - ver comunicado  

CCT/VESTUÁRIO - Negociado Novo  CCT para 2019 Ver comunicado   

CCT/CALÇADO/2019 Negociado Novo  CCT para 2019- Ver comunicado 

CCT/CORDOARIA E REDES/2019 - Informação sobre as negociações do CCT para 2019  ver comunicado   

 



 

  Para aceder à Newsletter Clique AQUI

  


  OS TRABALHADORES NÃO ESTÃO SOZINHOS! 


 

   Isabel Tavares - coordenadora da Direcção Nacional da FESETE   

 


 

 CGTP/IN  -  Guia – Medidas COVID 19

 (ultima actualização em 16 de Abril de 2020) 

Ver Plano de Desconfinamento   -   (completo)  

 Ver Plano de Desconfinamneto - Tabela 

 Ver Resolução do Conselho de Ministos

 


ATENÇÃO!

 PLANO DE CONTINGÊNCIA NA FESETE 

FACE À PANDEMIA PROVOCADA PELO COVID-19 

Tendo em conta a situação de estado de alerta de pré-emergência no nosso País, face à subida exponencial do surto do COVID 19, a FESETE irá adoptar o plano de contingência, passando assim a reduzir os seus serviços presenciais, dando primazia ao teletrabalho e ao atendimento telefónico e e-mail.

Assim, caso necessitem devem contactar a nossa Federação através:  

telemóvel: +351 91 977 69 05 e/ou e-mail :   Este endereço de email está protegido contra piratas. Necessita ativar o JavaScript para o visualizar.

A contenção desta pandemia está nas mãos de todos nós, pelo que cabe a cada um uma atitude responsável, em conformidade com as orientações definidas pelas autoridades de saúde. 

Previna-se!  Siga as orientações da DGS e todos saíremos vencedores! 


  MUITO IMPORTANTE!  

O combate à COVID-19 em contexto laboral

APRESENTAÇÃO DE QUEIXAS JUNTO DA CITE

Em tempo de pandemia aumenta a violação dos direitos na igualdade de maternidade e de paternidade, os quais têm merecido uma intervenção sindical específica para reposição das garantias legais e contratuais. Assim chamamos a vossa atenção para a publicaçao de uma Nota Informativa/Esclarecimento da CITE, conforme documento em anexo. Aceda ao documento CLIQUE AQUI.

 MUITO IMPORTANTE 

A Queixa à CITE, deve ser apresentada pelo Sindicato ou pela Comissão Sindical, em representação das/os sócias/os, deve ser sempre acompanhada de uma autorização expressa do/a trabalhador/a em dois sentidos: credenciando o Sindicato ou a Comissão Sindical para o/a representar e autorizando a CITE a contactar a entidade patronal para estabelecer o contraditório, caso seja necessário. Juntamos um formulário de queixa-tipo Ver documento CLIQUE AQUI. 

  Se fores vitima de violação dos teus direitos laborais, contacta o teu SINDICATO!


Garantida a Igualdade no subsídio por assistência a filhos

 Fruto da exigência persistente e fundamentada da CGTP-IN e dos seus Sindicatos, o Governo veio agora assumir as suas responsabilidades e eliminou a discriminação inscrita na Lei nº 90/2019, de 4 de Setembro, relativa ao valor do subsídio por assistência inadiável a filhos em caso de doença ou acidente.

 Neste diploma, de 9 de Abril, o subsídio aumenta de 65% para 100% da remuneração de referência de todas as mães e pais trabalhadores, sejam do sector privado, sejam da Administração Pública (incluindo do regime de protecção social convergente, que tinham ficado até agora excluídos desta majoração). Ficou assim garantida a igualdade de tratamento que se exigia. Ler mais clique AQUI - Ver Nota à Imprensa - ver Decreto-Lei

 Assim, foi actualiado o GUIA dos Direitos de Parentalidade  em Abril de 2020,  devido à publicação no Decreto-Lei 14-D/2020, de 13 de Abril, que reforça a protecção na parentalidade dos trabalhadores em funções públicas integrados no regime de protecção social convergente, determinando que o valor do subsídio para assistência a filho em caso de doença ou acidente passa a ser de 100% da remuneração de referência do/a trabalhador/a, com efeitos a 1 de Abril de 2020. Ver GUIA  


  Posição da CGTP-IN sobre a utilização forçada do direito a férias 

Como é do conhecimento geral, perante a situação de crise emergente que vivemos em resultado da pandemia de Covid-19, muitas são as entidades patronais que estão a actuar no sentido de obrigarem os trabalhadores a utilizarem o seu direito a férias, como forma de resposta à consequente redução de actividade.

A legislação laboral, concretamente o código do trabalho – reforçado pelas medidas extraordinárias da Portaria 71-A/2020 de 15/03 – já prevê mecanismos legais a que as empresas podem recorrer em situação de crise, que obrigue a uma redução ou suspensão da actividade.

LER MAIS  CLIQUE AQUI

 Se fores vitima de violação dos teus direitos laborais, contacta o teu SINDICATO!

 


 


 INFORMAÇÃO GERAL  

  Idade normal de acesso à pensão em 2020 

 Portaria 50/2019, de 8 de fevereiro, fixa a idade normal de acesso à pensão de velhice para o ano de 2020, bem como o valor do fator de sustentabilidade a aplicar às pensões de velhice do regime geral de segurança social a atribuir durante o ano de 2019.  

A idade normal de acesso à pensão de velhice deve ser publicada no segundo ano civil imediatamente anterior, através de Portaria, tendo em conta o disposto no artigo 20º, nº9 do DL 187/2007, de 10 de maio, na redação atual. Nesta sequência, a presente Portaria fixa a idade normal de acesso à reforma, no ano de 2020, em 66 anos e 5 meses. Ler mais clique AQUI 


 Aumento extraordinário de pensões  

O Decreto Regulamentar 12/2018 regulamenta a atualização extraordinária de pensões prevista no Orçamento do Estado para 2019, que produz efeitos a partir do dia 1 de janeiro de 2019.  Ver Decreto Regulamentar 12/2018

Esta atualização extraordinária aplica-se aos pensionistas de invalidez, velhice e sobrevivência do sistema de segurança social e aos pensionistas de aposentação, reforma e sobrevivência do regime de proteção social convergente (CGA) cujo montante global de pensões, a 1 de janeiro de 2019, seja igual ou inferior a 1,5 IAS, ou seja a €653,54, e efetua-se nos seguintes termos: 

€10, para os pensionistas que não recebam qualquer pensão cujo montante tenha sido atualizado no período entre 2011 e 2015; 

€6, no caso dos pensionistas que recebam pelo menos uma pensão que tenha sido atualizada no período entre 2011 e 2015. 

A estes valores é deduzido o valor da atualização regular das pensões verificado em 1 de janeiro de 2019. Ler mais Clique AQUI 


Actualização do SMN para 635 euros a partir de 1 de Janeiro de 2020

  INFORMAÇÃO AOS/ÀS TRABALHADORES/AS DO SECTOR  

 Informamos todos/as os/as trabalhadores/as do Sector que já foi publicada  em Diário da República a actualização do Salário Mínimo Nacional para 635 euros com efeitos a partir de 1 de Janeiro de 2019 - Ver Diário da República - Clique AQUI

 É importante a vossa ATENÇÃO nas empresas para a sua actualização a partir de 1 de Janeiro de 2020. Para mais informações devem contactar o vosso Sindicato!   


RELATÓRIO DA OXFAM INFORMA QUE AO LONGO DE 2018 A RIQUEZA DOS MAIS RICOS AUMENTOU 12% ALARGANDO O FOSSO ENTRE RICOS E POBRES

 Ver doc. em inglês          -      Ver doc em português/br



 

 COMBATER AS DOENÇAS PROFISISONAIS 

GUIA DE APOIO 

 

 

guia pratico igualdade CIMH

doencas profissionais

 


 

TENDINITES - Como Agir? 

   Clique AQUI  

  Para mais informações contacte o teu   Sindicato - clique AQUI     

 


 CGTP-IN exige correcção urgente do “Esclarecimento da DGERT e ACT” sobre o pagamento da retribuição das férias em situação de “Lay-off”

 A CGTP-IN rejeita veementemente a orientação dada a conhecer no “Esclarecimento da DGERT e ACT – Férias Gozadas durante o período de aplicação do lay-off” e já exigiu do Ministério do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social a sua correcção urgente. 

Neste documento, amplamente divulgado, estas duas entidades, cujo papel, em princípio, deveria direccionar-se no sentido da protecção dos direitos dos trabalhadores – e não na sua desregulação -, ao contrário, têm vindo a corporizar toda uma tendência para a assunção de uma conduta permissiva para com as entidades patronais, justificando os atropelos que estas, nestes tempos difíceis, procuram fazer aos direitos dos trabalhadores. Ler mais Clique AQUI

 


 

Intervenção da Secretária-geral no Debate Sindical sobre Automação e Teletrabalho

  

Aceder à Intervenção - Clique AQUI 

 


 

Plenário de Sindicatos da CGTP/IN - 10 de Julho de 2020 

O Plenário Nacional de Sindicatos da CGTP-IN reunido,no dia 10 de Julho de 2020, no Cinema S.Jorge, em Lisboa, aprovou a Resolução do Conselho Nacional - Ler mais clique AQUI


  Balanço da Semana Nacional de Luta

 

A Comissão Executiva do Conselho Nacional da CGTP-IN (CECO) fez um balanço da Semana Nacional de Luta, valorizando o amplo e diversificado conjunto de acções desenvolvidas, em todos os sectores e regiões, com trabalhadores do público e do privado a reivindicarem direitos, com greves, plenários, acções à porta de empresas e associações patronais, tribunas públicas, concentrações, marchas e desfiles. Ler mais Clique AQUI 

Ver documento - Clique AQUI

Intervenção de Isabel Camarinha, Secretária-geral da CGTP-IN.
Semana Nacional de Luta. 25 de Junho, Praça do Município, em Lisboa.

Clique AQUI

  _________________________________________________________________________

Galeria de FOTOS - 1 - Galeria de FOTOS - 2

 


  Conselho Nacional da CGTP/IN decide realizar

Semana Nacional de Luta - 22 a 26 Junho

O Conselho Nacional rejeitou a política de agravamento da exploração e empobrecimento, de cortes nos salários e atropelo dos direitos e assumiu o compromisso de levar a cabo uma ampla acção de esclarecimento, mobilização e luta, reforçando a unidade dos trabalhadores, a sua sindicalização e organização, dando mais força aos sindicatos, para garantir a valorização do trabalho e dos trabalhadores e respostas aos problemas do povo e do País. Ler mais clique AQUI

 

Ver Resolução do Conselho Nacional da CGTP-IN – 4 de Junho de 2020

 


 

 

1º DE MAIO NA INTERNET 

ver Roteiro

 

 VER FOTOS


 

Intervenção da Secretária Geral da CGTP/IN -  Isabel Camarinha no 1º de Maio 

  


 

É possível aumentar os salários

 

Tempo de Antena da CGTP-IN. Portugal continua marcado pela injustiça na repartição da riqueza, pelos baixos salários, precariedade laboral e pelos horários longos e desregulados.

 É preciso melhorar as condições de vida e de trabalho dos trabalhadores. É necessário aumentar os salários. A CGTP-IN reivindica o aumento geral dos salários em 90€ para todos os trabalhadores e a fixação do Salário Mínimo Nacional em 850€, a curto prazo. 


 

 

Direitos de Parentalidade - 4ª edição do guia    

    

Garantida a Igualdade no subsídio por assistência a filho


Actualizado o GUIA dos Direitos de Parentalidade em Abril de 2020, devido à publicação no Decreto-Lei 14-D/2020, de 13 de Abril, que reforça a protecção na parentalidade dos trabalhadores em funções públicas integrados no regime de protecção social convergente, determinando que o valor do subsídio para assistência a filho em caso de doença ou acidente passa a ser de 100% da remuneração de referência do/a trabalhador/a, com efeitos a 1 de Abril de 2020.


Ver Decreto-Lei 14-D/2020, de 13 de Abril  - Ver GUIA 


 


   

    

A FESETE recebeu o Prémio Manuel Lopes, através da vice-coordenadora, Isabel Cristina, na categoria de Estudos e Trabalhos de Investigação, o qual foi atribuído ao estudo "Contributos para a negociação colectiva para a melhoria das dimensões do emprego e igualdade nas ITVC". Vê Diploma - Clica Aqui 



   

  ESTÁ DESEMPREGADA/O?

QUER MUDAR DE ACTIVIDADE PROFISSIONAL?

QUER AUMENTAR AS SUAS COMPETÊNCIAS?

 

VENHA PROCURAR APOIO NO

 

PARA MAIS INFORMAÇÃO clique aqui

 

 

 

  

 

 

 

RESOL1DEMAIO2021.pdf